Palop News, Noticias em Portugues no Reino Unido

  • Aumentar fonte
  • Tamanho normal
  • Diminuir fonte
Home

Lutero garante a Emancipação como Princípio impulsionador da Idade Moderna

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF
Ensaio sobre o Legado de Martinho Lutero nos 500 anos de reforma
Na palavra emancipação poder-se-iam resumir as forças condutoras que trespassam os quinhentos anos que nos conduzem até Lutero. Na Idade Média pessoa e sociedade viviam na atmosfera do nós (comunidade) à custa do eu (indivíduo); a sobrevalorização da comunidade atafegava a individualidade. Este desequilíbrio entre o nós e o eu (sobrepotência do nós, em parte comparável ao Islão) gerou a crise espiritual do Renascimento que, especialmente com o movimento protestante, inverte as perspectivas de orientação individual, política e social, fomentando novos rumos, uma nova mundivisão. Com os alvarás da liberdade cristã, da consciência autónoma do individuo e da igualdade de filhos de Deus, desencadeia-se uma nova era apologista do indivíduo que dá forma a toda a Idade Moderna. A Europa, na procura de si mesma, produziu então controvérsias, perseguições e guerras que acompanhavam a deslocação do poder. Passados 500 anos a Europa encontra-se, de novo numa crise de identidade, numa encruzilhada, na procura de novos rumos e do sentido. Neste trabalho acentuo principalmente o contributo do protestantismo no desenvolvimento da Europa.

PN
Data: 18 Novembro 2017
Apoio: Palop News
 

Comentar


Código de segurança
Actualizar


Page Peel Banner

Tradutor

Portuguese English French German Italian Spanish
Faixa publicitária
Faixa publicitária

JoomCategories for JoomGallery